A crescente competitividade no mercado de comunicação, anúncios e conteúdo auxiliou o UOL a criar cada vez mais uma cultura de dados, e a pesquisa começou a ser vista como um diferencial em relação aos seus concorrentes diretos e indiretos. A MindMiners tem orgulho de fazer parte dessa evolução.

Descubra como a pesquisa de mercado vem auxiliando o time de Ad Lab no UOL, trazendo novas contas, anunciantes e criando essa cultura de tomada de decisão com dados. Nesse case vamos te contar como o UOL está usando, de formas inovadoras, a pesquisa de mercado e trazer alguns exemplos práticos.

#1 Quais eram as dificuldades que o UOL encontrava antes de trabalhar com a MindMiners?

Em 2016, o desafio da área de insights e pesquisa do UOL era: "Como entender e mapear novas tendências de comportamentos fazendo pesquisas, mas sem comprometer o budget anual?". O time enxergava a realização da pesquisa de mercado com seus consumidores e internautas como uma ação cara, com um alto custo, portanto o budget era destinado exclusivamente para pesquisas de audiência.

No início, o UOL embedava suas pesquisas online no calhau de banners, Mas isso logo se provou pouco eficiente, as amostras não eram representativas e estavam com uma taxa baixa de respostas. Nesse momento surgiu a ideia de encontrar um parceiro que trouxesse entregas rápidas, sem comprometer grande parte do budget, e capaz de oferecer uma metodologia digital:

"Ter a possibilidade de uma pesquisa realizada 100% pela internet, trazia sinergia com o que UOL buscava entregar" - Bruna Aguiar, coordenadora de audiência e pesquisa.

O time do UOL já realizou 31 pesquisas com a MindMiners em 3 anos de casa.

Um dos principais pontos de virada foi quando o time de UOL Ad Lab mostrou que a pesquisa não precisava ser vista como um custo, e sim que seu investimento seria revertido em trazer novas contas, e por consequência, mais mídia paga nos portais.

  • O time do UOL Ad Lab trabalha com um conjunto completo de soluções de publicidade digital, unificando tecnologia, conteúdo e mídia.
  • São utilizados dados qualificados e as melhores ferramentas para otimizar budget e resultados dos anunciantes. Com toda a credibilidade UOL aplicada à criação de projetos personalizados, com geração de conteúdo e experiência de marca. E com uma consultoria e execução do plano de mídia com diversidade de formatos em ambientes brand safe.
  • Sempre incluindo seus parceiros, com a MindMiners, em um modelo comercial. Os clientes podem contratar essa expertise em comunicação e ao final mensurar, por meio de uma pesquisa de mercado, os esforços investidos no portal.

A pesquisa da MindMiners auxilia a complementar os dados de outras fontes de informações, um grande destaque na visão do UOL é a possibilidade de inclusão de imagens, vídeos e conceitos em um único questionário quantitativo digital. Além da velocidade e possibilidade de realizar ondas: pré e pós campanha anunciadas no UOL.

#2 Um novo modelo de negócio: UOL + Pesquisas de Mercado

Ao incluir pesquisas em seus pacotes de anúncios ou patrocínios, seus clientes começaram a enxergar mais valor nesse modelo de contratação, o que facilitou as vendas e abriu novas portas.

Para os clientes do UOL, esse modelo era percebido como de maior valor. Isso porque, além da mídia, eles ganhariam uma pesquisa ao final. É um pacote completo de soluções, a pesquisa auxiliava, por exemplo, a mensurar o ROI da campanha publicitária.

As soluções do UOL e pesquisas são vistas para os clientes como complementares. Alguns clientes passaram a enxergar que essa pesquisa faz parte dos KPIs deles.

#3 Entra em cena o Academy by MindMiners

O Academy é uma frente de workshops e consultoria para os clientes da MindMiners, são realizados encontros onde entendemos como a pesquisa pode atuar de maneira estratégia no business do cliente.

O time da MindMiners realizou o workshop com o UOL e saímos com um desafio: estruturar hipóteses e uma pesquisa sobre Black Friday 2019, como é o comportamento e percepções dos consumidores sobre a data.

Veja os resultados na íntegra, no blog do UOL Ad Lab.

Descobertas:

As decisões da Black Friday não são mais decididas no impulso, com tantas ofertas e concorrentes, os consumidores começaram a pesquisar quais são as melhores
oportunidades.

34% dos respondentes se planejam antes e já pensam quais produtos eles querem comprar na Black Friday.

33% não se planeja, mas se esforça em pesquisas as melhores ofertas e produtos na Black Friday.

E a pesquisa mostrou que a Black Friday geralmente é uma data de tickets médios mais altos, já que 61% estão dispostos a gastar mais de R$ 500 com as compras deste ano  e 39% mais de R$ 1.000.

Analisando por diferentes classes sociais, 40% dos respondentes das classes AB preferem comprar somente pela internet na Black Friday. E os respondentes das classes CDE (19%) preferem somente na loja física. Muitos pesquisam online e compram na loja física, portanto é importante investir na integração entre os canais online e offline.

Existem diferenças quando analisamos por classe social. Por exemplo, 76% dos
respondentes da classe AB não costuma comprar na internet por receio de fraudes. Já na classe C, o principal motivo em destaque, para 48%, é o custo do frete.

Quer fazer uma campanha para ganhar mais vendas na classe C, ofereça frete grátis. E, para a classe AB, mostre que seu site é seguro.

O Academy trouxe um olhar de fora e questionamentos no briefing inicial, foram pontos positivos na parceria. Ele é visto no UOL Ad Lab como uma frente mais consultiva, trazendo a expertise de não mostrar mais do mesmo.

A pesquisa ajudou a "levar mais informações para aquele anunciante menor, que talvez não tenha conhecimento da importância da Black Friday.  E trouxe insights para os grandes anunciantes de pontos que eles não estavam percebendo" - Bruna Aguiar, coordenadora de audiência e pesquisa.

O estudo de Black Friday trouxe resultados em vendas e branding, ele foi publicado no blog do UOL Ad lab e tiveram publicações no Facebook, trazendo resultados bastante relevantes para o tráfego do site:

  • O post de Black Friday no blog do UOL Ad Lab ficou em 5º lugar entre os 10 mais acessados do ano, com 1.106 acessos.
  • O post do blog no Facebook teve um alcance de 95.424 pessoas em 30 dias.

Uma prova de que tanto o tema e quanto a pesquisa são relevantes para os profissionais de comunicação.

#4 MindMiners e Pesquisa de Mercado auxiliando nas vendas

Os executivos no time de vendas usaram a pesquisa de Black Friday para prospectar outros clientes e expandir suas carteiras com anúncios e pacotes, conseguindo mais reuniões. Esse era o tópico principal do conteúdo apresentado no workshop da MindMiners: como usar uma estratégia de ABM (Account Based Marketing) e pesquisa de mercado para gerar interesse em potenciais clientes.

"Pensando na questão de ajudar nossos anunciantes (...) a pesquisa deu muitos insights de como eles poderiam melhorar seus anúncios na Black Friday, para conseguir converter mais" - Tatiana Giovani Silva, analista de audiência e pesquisa.

Pesquisa de mercado para todos os momentos

Faça como o UOL: utilize da pesquisa digital para entender novos comportamentos dos consumidores sobre os mais variados temas. Mensure o alcance de suas campanhas publicitárias. E encante seus clientes.

Veja como o chocolate Baton lançou seu novo sabor ouvindo seus consumidores por meio de pesquisa.