Lembrança de marca: entenda como você é recordado pelo cliente

Lembrança de marca

A tarefa de construir uma marca forte e memorável é encarada como um dos maiores desafios de qualquer negócio. Não por acaso temos observado, nos últimos anos, o crescimento de investimentos no que os especialistas em Marketing chamam de branding

Na prática, branding nada mais é do que o processo de gerenciar uma marca de forma a torná-la reconhecida junto aos públicos estratégicos com os quais ela já se relaciona ou pretende se relacionar.

Fazer com que as pessoas saibam seu nome, identifiquem sua logomarca, reconheçam suas propostas de valor e, finalmente, optem por seus produtos ou serviços na hora da compra são apenas alguns exemplos dos objetivos estratégicos pretendidos por esforços dessa natureza, assim como reforçar a lembrança de marca.

Mas saber como construir uma marca exige investimento constante e tempo. Por isso, é fundamental que, ao longo dessa jornada, métricas e indicadores sejam criados para acompanhar o que está dando certo e o que precisa ser repensado. No geral, tal acompanhamento é feito junto ao próprio consumidor, monitorando a evolução de suas percepções, hábitos e preferências, sejam elas conscientes ou não.

Lembrança de marca

Nesse contexto, um dos indicadores mais relevantes é o crescimento do nível de lembrança de marca. A lógica é simples: você sabe quando algo se tornou bem conhecido quando, ao pensar em uma categoria de um produto ou em um serviço, a primeira coisa que lhe vem à cabeça é uma marca específica. Isso significa dizer que aquela marca já ocupa um lugar bem definido na mente e no coração do consumidor. 

Neste post vamos falar sobre as três categorias de lembrança de marca que sua empresa pode atingir ao longo do tempo. Confira!

1. Lembrança estimulada

A construção de uma lembrança de marca de maneira estimulada pode ser alcançada por empresas em qualquer estágio de reconhecimento, apesar de ter um maior efeito de médio prazo naquelas que ainda não são tão conhecidas.

Estimular o reconhecimento da marca pelo seu público-alvo é algo que pode ser feito por vários meios. Ultimamente, com o constante crescimento da internet, lançar mão do marketing digital é extremamente eficaz. Dessa maneira, é possível estimular a lembrança de marca por meio de algumas ações:

Exposições repetidas

Em um primeiro momento, quando a marca não é muito famosa, atuar com uma repetição de exposição pode estimular o seu reconhecimento pelo público. Ao vê-la constantemente nas redes sociais, o consumidor começará a reconhecer sua marca, ainda que não gere essa lembrança espontânea.

Inserir sua marca de maneira constante em assuntos relevantes trará não apenas o reconhecimento, como também autoridade. Essa é uma maneira de dizer ao seu público que sua marca está envolvida com conteúdo relevante para eles. Direcionar campanhas no Facebook, por exemplo, é uma ótima ferramenta de divulgação específica para um grupo de usuários segmentado.

Associações

Criar associações entre sua marca e seu produto é um estágio no qual você direciona o pensamento do consumidor para a lembrança do seu negócio. E chegar ao ponto em que isso é feito espontaneamente pelo público é garantia de sucesso.

Um bom exemplo é quando pensamos em fast-food. Provavelmente, cerca de três redes de restaurantes surgirão na sua mente nesse momento. Isso acontece porque o desenvolvimento dessas marcas é voltado para que os consumidores se recordem das mesmas lojas quando pensarem em uma refeição rápida.

Inicialmente, isso pode ser feito por meio de conteúdo digital, em que seu produto/serviço será apresentado, de maneira discreta, como solução para um determinado problema. Com o tempo, o consumidor vai associar sua marca a categorias de produtos ou serviços dos quais possui necessidade.

2. Lembrança espontânea

Após o alcance da lembrança de marca por meio do método estimulado, o próximo estágio que um negócio pode almejar é a lembrança espontânea de marca. Ela é atingida quando, por meio de uma proposta de valor bem construída, o consumidor naturalmente se recorda de uma marca ao pensar em uma categoria de produtos e serviços.

Anualmente, várias empresas e meios de comunicação apresentam prêmios e dados quantitativos das empresas mais lembradas do mercado. Por meio de pesquisas de lembrança, o público responde quais são as primeiras marcas que vêm em mente quando pensam em certo tipo de produto.

Por meio de incentivos ao subconsciente do consumidor, é possível fazer com que sua marca seja lembrada de maneira espontânea. Porém, isso requer um trabalho de branding contínuo e de longo prazo. Muitas empresas lançam mão de estratégias que buscam fazer com que a mente do público escolha, de maneira inconsciente, seus produtos. Isso pode ser observado a partir de alguns fatos, como:

Investir em embalagens apresentáveis atrai mais clientes, principalmente para produtos perecíveis, como frutas ou legumes. Uma boa embalagem faz com que o consumidor tenha a sensação de limpeza e qualidade;

Inserir sons e imagens no ambiente que ajudem o consumidor a lembrar de um determinado produto tendem a aumentar suas vendas. Por exemplo, um vídeo de uma taça de vinho sendo servida, exibido na adega de um supermercado, estimula vontades de consumo no público, aumentando as vendas;

Estratégias de atendimento e oferta que criem “vantagens” ao cliente. Por exemplo, em vez de oferecer um pacote mais básico, vá direto ao mais completo e peça ao cliente para retirar itens como maneira de economia. Isso vai gerar uma sensação de que o cliente está gastando menos, ao contrário da inserção de opcionais que encarecem o produto;

Cores bem escolhidas. Talvez o melhor exemplo seja o da rede de restaurantes McDonald’s. Com certeza, ao pensar em cores como amarelo e vermelho, boa parte do público vai se recordar da famosa marca.

3. Top Of Mind

O estágio de lembrança de marca “Top Of Mind” é, dentro dessa métrica, o mais alto nível de reconhecimento que um negócio pode alcançar. Isso significa que a marca se torna automaticamente a primeira opção de produto ou serviço quando o consumidor pensa em certa categoria.
O exemplo do McDonald’s, já citado aqui, é um dos mais comuns. Mas podemos também falar de outras marcas, como a Coca-Cola, que ocupa, há décadas, as posições mais elevadas nos rankings de marcas mais famosas do mundo.
Algumas marcas chegam a, inclusive, substituir produtos pelo seu próprio nome. A Gillette, por exemplo, se tornou um sinônimo para as lâminas de barbear. Assim, alguns consumidores podem até comprar outras marcas, mas inconscientemente associam o produto da lâmina à imagem da Gillette.

Isso também acontece com a Bombril, especificamente aqui no Brasil. Fundada em meados do século passado, a Bombril tem como principal produto uma lã de aço voltada para o segmento de produtos de limpeza. A lembrança de marca é tão grande que, muitas vezes, o público associa a imagem do produto ao termo “Bombril” de maneira mais fácil do que “lã de aço”.

Existem diversos casos de sucesso espalhados pelo mundo que funcionam como ótimos exemplos de alcance dos estágios de lembrança de marca. Almejar uma posição de destaque nesse meio é essencial para vencer uma concorrência muitas vezes predatória. São poucas as empresas, em cada segmento, que conseguem atingir estágios de lembrança como o Top Of Mind. Mas, por meio de ações bem estruturadas, é possível fazer com que sua marca atinja níveis de reconhecimento satisfatórios, aumentando as vendas.

A importância de compreender o consumidor

No fim das contas, agregar valor e construir uma boa imagem são ações que constituem meio caminho para o reconhecimento de marca. Porém, e para obter sucesso nessa caminhada de construção de uma marca verdadeiramente forte, é preciso compreender melhor o seu público-alvo, suas dores, expectativas, preferências e sentimentos

Tendo em vista esse contexto, a pesquisa de marketing e suas metodologias surgem como ferramentas fundamentais para ouvir o que as pessoas tem a dizer e, principalmente, o que elas sabem, pensam e ouvem sobre a sua marca. E, graças à tecnologia, tudo isso acontece agora de forma dinâmica, acessível e com altos padrões de qualidade.

Quer saber mais? A MindMiners é uma empresa especializada em pesquisa digital. Por meio de nossas plataformas próprias, estamos preparados para conectar sua empresa com o consumidor e avaliar a eficácia de seus esforços de branding. Confira nosso artigo e descubra como podemos te ajudar a alcançar reconhecimento de marca, relevância e melhores resultados.

Posts relacionados

Ordenar por:   recentes | antigos | mais votado
wpDiscuz