Na mídia: público quer trocar assinatura de TV por Netflix

Saiu na Exame.com uma reportagem exclusiva sobre uma pesquisa encomendada pela própria Exame para explorar o interesse das pessoas sobre serviços de streaming de filmes e séries, especificamente o serviço da Netflix. Foram entrevistadas 1.000 pessoas do MeSeems, nosso painel web / mobile de respondentes, pertencentes às classes sociais A, B e C, residentes por todo o Brasil.

O estudo indicou alta insatisfação dos respondentes com relação ao preço da TV por assinatura, e que 26% pretendem cancelar o serviço nos próximos 6 meses. Uma grande parcela destes (45%) ainda indica que pretende substituir a TV por Netflix.

Mais da metade (55%) dos assinantes de TV paga consideram a mensalidade muito cara pelo conteúdo oferecido, sendo o valor médio gasto no serviço entre R$51 e R$150 reais por mês.

Há uma duplicidade relevante entre pessoas que assinam TV paga e usam serviços de streaming; são 48% que assinam um serviço de TV e também utilizam uma plataforma de streaming, incluindo nestes Netflix (94%), Telecine Play (19%), Net Now (16%), Globosat Play (12%) ou HBO Go (11%).

Dos 55% que acham cara a mensalidade da TV por assinatura, 26% pretendem cancelá-la nos próximos seis meses e 33% estão na dúvida se irão ou não cortar o serviço em breve. A principal razão para o cancelamento é o alto custo.

Em relação à Netflix, somente 3% dos respondentes da pesquisa informaram intenção de cancelar a assinatura, enquanto 84% disseram que continuarão a pagar pelo uso da plataforma.

Confira o restante da reportagem aqui.

Posts relacionados