Estudo de segmentação de mercado: faça a sua startup decolar

Entenda a importância de um estudo de segmentação de mercado para startups

Mercado aquecido, novidades, tecnologia, inovação, globalização, investimento, lucro, retorno. Talvez essas sejam as palavras mais conhecidas e usadas no mundo dos negócios. Esse boom pode ser facilmente reconhecido em algumas empresas que, em muito pouco tempo, se inserem no mercado, crescem, conquistam clientes e se destacam a partir de um modelo de negócios diferente: são as organizações exponenciais, também conhecidas como startups.

Mas é preciso entender que o desejo de começar uma startup traz consigo riscos. Para minimizá-los, conduzir um estudo de segmentação de mercado pode ser bastante útil. Veja, nessa postagem, por que isso é tão importante.

Quais são as principais características de uma startup?

O modelo ideal de uma empresa, até então, se baseava em três fatores: inserção no mercado, desenvolvimento/crescimento e estabilidade. Mas, de alguns anos (não muitos) para cá, estamos em contato com as empresas que vieram na contramão desse modelo formal e provaram que podem ser destaque de inovação organizacional. Essas são as startups.

As principais características dessas empresas são:

  • O modelo de negócio inovador, algo que nunca foi visto antes (ou agregando algo novo e interessante a alguma coisa que já existe);
  • Um negócio concreto e objetivo;
  • Capacidade de entregar o mesmo produto mais de uma vez com um custo baixo, sem muitas mudanças ou alterações para cada cliente. A famosa escalabilidade;

Logo, observa-se que as características desse modelo de negócio vêm para modificar um pensamento tradicionalista baseado em técnicas de gestão e ferramentas de vendas já validadas.

O grande aprendizado aqui é a possibilidade de errar. Se, em grandes empresas, o erro é visto como algo inaceitável, as startups se estruturam a partir de processos nos quais os erros devem ser identificados no menor espaço de tempo possível para que os ajustes necessários sejam feitos.

A lógica está bastante alinhada com o objetivo da startup, que é crescer, oferecer um produto diferenciado e ser destaque no mercado o mais rápido possível. Só de listar essas características já dá para perceber que um estudo de segmentação de mercado, para essas empresas, surge como uma forma de identificar caminhos possíveis para o negócio.

Por que startups precisam crescer rápido?

Primeiramente, é preciso entender que o grande desafio e o objetivo de uma startup é crescer rápido e enfrentar uma jornada longa, com a certeza de que o público foi atingido, para, assim, largar na frente da concorrência e vencer a corrida. Diante desse objetivo, o primeiro grande passo é traçar metas para que isso aconteça. E é importante salientar que o crescimento de uma empresa caracterizada como startup é fator determinante para que ela consiga sair na frente da concorrência e capte recurso de investidores, por exemplo.

Só é necessário cuidado para não perder o foco. Isso porque também é preciso ser capaz de entregar o mesmo produto mais de uma vez com custo baixo, sem muitas mudanças ou alterações para cada cliente.

Em outras palavras, é preciso buscar por clientes adequados ao seu produto, para que seja possível atingir esse objetivo. É neste ponto que as chamadas verticais de negócio e o estudo de segmentação de mercado vão fazer todo sentido para você.

A importância de analisar verticais de negócio

As verticais de negócios podem ser caracterizadas pela associação e agrupamento de diferentes empresas a partir de afinidades e alinhamento de suas necessidades. São diversos os setores empresariais que já utilizam essa estratégia. É o caso, por exemplo, de empresas de consultoria estratégica, seguradoras, bancos, instituições financeiras, ou quaisquer outros segmentos. Ao compartilharem experiências e estruturas para reduzirem custos, esses parceiros pegam carona na credibilidade de outras marcas que compõe o grupo para conquistar novos mercados.

É preciso definir quais são as verticais mais promissoras e analisar quais dessas instituições podem ser aliadas para que seu negócio cresça e seu objetivo seja alcançado.

E o principal fator que deve ser levado em conta na hora de escolher uma vertical de negócios é: qual delas está mais preparada para aceitar meu produto ou negócio atualmente?

Isso se faz necessário pois o produto pode evoluir ao longo do tempo para atender bem uma vertical ou outra. Mas, nos primeiros momentos, deve-se pensar na vertical mais adequada para receber o seu produto, aquela que o adotaria com menos resistências e exigiria menos recurso demandado.
No fundo, só de pensar nisso, o problema de seu estudo de segmentação de mercado já está definido.

Procure pela diminuição do esforço de vendas

Diminuir a necessidade de esforços de venda para que seu produto se destaque no mercado talvez seja o sonho de qualquer empreendedor. Afinal, depois que você conseguiu obter crescimento, aumentar as vendas e a inserção no mercado, a tendência é que a empresa ganhe cada vez mais espaço de atuação. Quando o esforço de venda diminui é sinal de que aquela vertical de mercado entendeu a proposta de valor do produto ou serviço e está disposta a pagar por ele. Esse é um ótimo sinal de que sua empresa encontrou uma via de crescimento recorrente e confiável.

Estudo de segmentação de mercado para startups

Diante de todas as informações e características até aqui apresentadas, é possível, agora, entender como um estudo de segmentação de mercado é imprescindível para as startups. Como exemplo prático, podemos analisar uma empresa que possui um produto novo e que o apresentou para sua primeira vertical de mercado. O negócio trará benefícios para seu cliente e teria tudo para ser bem aceito se não fosse uma barreira: a aceitação de diferentes tipos de clientes ou consumidores.

Isso porque, frente à ampla concorrência e ao mundo de opções de soluções oferecidas pelo mercado, não adianta mais apenas o produto ser bom e de qualidade se o seu cliente não está preparado para recebê-lo. E é aqui que entra a importância do estudo de segmentação. Quem é o comprador do meu produto ou serviço? Onde ele está? O que entende como valor? Um estudo de segmentação de mercado adequado responderá a todas essas perguntas, ajudando a startup a obter sucesso sem correr tantos riscos. Por isso, uma startup que visa crescimento precisa encontrar no mercado o cliente que aceitará bem o seu produto. Caso contrário, fará grandes investimentos para testar possibilidades até, finalmente, encontrar seu público. O objetivo do estudo de segmentação é evitar esse tipo de dor de cabeça e de gastos desnecessários.

Este post foi escrito pela equipe da Meetime, um software de inside sales criado para simplificar o processo de vendas e auxiliar sua equipe comercial a ter melhores resultados.

Posts relacionados

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notificações
avatar
wpDiscuz